Páginas

1 de agosto de 2015

Sobre a chuva



Tens razão: a chuva é maravilhosa
e não há prosa que se compare
à da natureza indefesa
à pureza que eu invejo e nego
ao lamber-te os dedos




Raquel Dias
Enviar um comentário